Para especialista esse tipo de comércio se encaixa em regiões já consolidados economicamente nas classes A, B ou C e que possuem demandas comerciais locais

Você com certeza já esqueceu de comprar algo importante e teve que procurar o que precisava em um Shopping Center, que normalmente é longe de sua residência. O que antes gerava transtorno, hoje, pode ser minimizado com o crescimento dos strip malls, um novo conceito de centro de conveniência dentro dos bairros. “Nada mais cômodo que encontrar, perto de casa, no próprio bairro, um centro comercial com diversas lojas e serviços que facilitam o dia a dia”, disse o engenheiro civil, Luiz Franco, diretor de projetos e desenvolvimento da IBIPAUÁ Empreendimentos e Soluções Imobiliárias, empresa do Grupo Brugnara.

Diferente da ideia de Shopping, que nos remete a algo vultuoso, como um grande centro comercial e de conveniência, o strip mall trata-se de algo compacto, prático e funcional. Os principais motivos para o crescimento desse tipo de comércio de acordo o especialista são:

  • Empreendimentos com baixo impacto;
  • Rápida velocidade de execução;
  • Menor deslocamento dos clientes;
  • Facilidade e praticidade de estacionamento;
  • Terrenos menores e melhor localizados;
  • Conceito alinhado com a descentralização do comércio;

O engenheiro explica que os strip malls precisam comportar diversos segmentos, como salões de beleza, cafeterias, supermercados, vestuário, farmácias, lavanderias. “Para atender as necessidades dos moradores da região onde estão localizados os strip malls, normalmente são realizadas pesquisadas de mercado para apontar as verdadeiras carências comerciais e de serviços locais. Tudo isso atrelado ao poder de compra da população daquele bairro e ao potencial futuro do negócio”, contou.

Frutos do crescimento

O diretor garante que a realização de Strip Mall em uma determinada região provoca um ganho de qualidade para toda a cidade, devido a possibilidade de desafogar o trânsito, além de incentivar os pequenos e médios empresários da região a investirem em seu negócio. “Tudo isso atrai investimentos da iniciativa privada em obras de contrapartida, valoriza a região e aumenta a possibilidade de criação de emprego e renda”, declarou Franco.

Ele acrescenta que o incentivo ao comércio local se torna muito importante para uma empresa de Malls. ”O sucesso do empreendimento, bem como o fortalecimento de da Marca tipo a IBIPAUÁ MALLS depende além da qualidade executiva, mas também dos empresários que apostam nesta bandeira. Incentivar o Comércio local abre possibilidades para investimentos em outras áreas como a Habitacional por exemplo”, concluiu Luiz.

Fonte: Luiz Franco, diretor de projetos e desenvolvimento da IBIPAUÁ Empreendimentos e Soluções Imobiliárias, empresa do Grupo Brugnara (www.brugnara.com.br).

Assessoria de Imprensa

Déborah Ribeiro - Assessora de Comunicação e Imprensa
Letra Comunicação e Marketing
www.letracomunicacao.com
contato@letracomunicacao.com
(31) 3236-1477 ou 98429-7565

Leave a Reply

Your email address will not be published.

comentários