Em ação: ‘Fernando Meira da ONG’ em parceria com ‘Marquinho da Pelada’ e ‘Alexandre – O Leleco do Projeto Sonhadores’ realizam revitalização do Campo do Paulo VI

0
1781

Na foto: ‘Marquinho da Pelada’, ‘Baiano’, ‘Alexandre Leleco do Projeto Sonhadores’ e ‘Fernando Meira da ONG’. – Crédito: Arquivo Pessoal.

Local é a única opção de lazer para os moradores da Região

■ Redação (GC)

Que o esporte é uma das melhores ferramentas para ajudar os jovens a buscarem mais oportunidades na vida, ninguém dúvida! No entanto, para que isso seja possível, é preciso ter um espaço bem cuidado e acima de tudo, bem preservado. Com essa preocupação e ideia na cabeça, ‘Fernando Meira da ONG’, ‘Marquinho da Pelada’ e ‘Alexandre – O Leleco do Projeto Sonhadores’, fizeram no fim do mês de agosto, a revitalização do Campo do Bairro Paulo VI. A ação surgiu através da necessidade de ajudar, ainda mais, os jovens e moradores da região a terem um espaço mais cuidado para lazer e esporte, uma vez que o Marquinho, um dos líderes da comunidade, e também o Alexandre, outra referência da região, sempre estavam fazendo reparos no campo.

Ação: Pessoal fazendo a ação no Campo. Crédito: A.P.

Para Fernando Meira da ONG, estava na hora do campo ter um olhar mais atencioso, por isso a ação realizada por ele, Marquinhos e Alexandre, era urgente. “Há anos o espaço vêm recebendo reparos através dos voluntários da pelada como o Marquinho, um dos líderes da comunidade e também o Alexandre, outra referência da região. Mas o campo precisava de um olhar mais amoroso, com mais respeito, pois é da comunidade! Apesar de ter pessoas que se dizem ‘responsáveis pelo mesmo’, nunca foi visto uma melhoria fática no local”, comenta.

Fernando Meira da ONG durante ação no Campo do Paulo VI.

Segundo Fernando Meira da ONG, que também é morador do bairro e faz uso do campo, já era percebido através de conversas de moradores, que mesmo em tempo de pandemia, o campo deveria ser cuidado com maior intensidade. “Em parceria com Marquinho da pelada, Alexandre – O Leleco do Projeto Sonhadores, Baiano, e mais os voluntários, organizamos e realizamos a revitalização do espaço. O campo estava cheios de buracos, irregularidades, as quais, estavam contribuindo para as contusões dos jogadores. Além disso, as muretas sem pinturas e muito sujas. Por isso, vimos que estava mais do que na hora de fazer algo”, completa.

Na hora certa

No dia da ação, Fernando Meira da ONG espalhou com os demais apoiadores, areia em várias partes do campo tampando os buracos. Além disso, pintou toda a parede ao redor campo. “Escutamos de vários moradores que algo assim nunca havia sido feito no local. Alguém preocupado com a questão da integridade física dos usuários e também da melhoria para o campo. Ou seja, espaço esse que é da comunidade! Esse é o nosso foco, ajudar sempre quem precisa de verdade”, conclui.

Redes Sociais

Para os que ainda não conhecem os trabalho de Fernando Meira da ONG, siga o Instagram: @fernandomeiradaong e também o Facebook. Fique por dentro.