Certificação e laudo técnico pericial: você sabe qual é a diferença dos dois na venda e compra de joias e metais preciosos?



Na foto: Hugo Werner Flister, perito e gemólogo com cerca de 38 anos de experiência nesse mercado.

Com 38 anos de mercado, a “H.Werner Perícias & Avaliações” (Rua Pernambuco nº353 – Sala: 1005 – Bairro Funcionários – Belo Horizonte / Minas Gerais | esquina com Avenida Brasil), faz atendimentos agendados pelo (31) 3273-2648 ou pelo: (31) 99907-5881 (clique aqui e fale direto no WhatsApp)

No mundo atual com tantas informações disponíveis na internet através de portais de notícias e até mesmo Rede Sociais, fica cada vez mais difícil separar o joio do trigo, não é mesmo? No segmento de luxo, principalmente quando falamos do mercado joalheiro em se tratando de diamantes, pedras e metais preciosos, qualquer tipo de erro pode acarretar em prejuízos sérios, principalmente financeiros para quem compra e vende. Nesse sentido, existe uma grande falta de entendimento sobre o que é a certificação e o que é o laudo técnico. Por esse motivo, Hugo Werner Flister, perito e gemólogo, com cerca de 38 anos de experiência nesse mercado, fala da diferença dos dois ressaltando que o “certificado de garantia” é fornecido às vezes por profissionais do mercado informal e sem conhecimento técnico. Confira as dicas do especialista na entrevista abaixo:

– Para as pessoas que não tem ciência do assunto, qual é a diferença entre o certificado de garantia e o laudo técnico?

O certificado de garantia é fornecido pela empresa, comerciantes, ou até mesmo por profissionais do mercado informal, onde as vezes, por desconhecimento técnico, os materiais comercializados são descritos de forma inadequada. Já o laudo técnico é feito com base nos procedimentos técnicos realizados em laboratório apropriado e este, deverá ser assinado por profissional habilitado e credenciado.

– Qual a metodologia utilizada para esse procedimento?

Existem uma grande diversidade de materiais e situações. Para cada uma delas, utiliza-se os métodos apropriados, obedecendo critérios técnicos e metodológicos diferenciados.

– Quais as finalidades do laudo técnico gemológico?

A identificação é para fins de garantir a autenticidade e a legitimidade. A classificação é para fins de garantir a qualidade, tais como: níveis de cor, pureza, lapidação, peso, medidas e demais características importantes e relevantes. Já a avaliação deverá ser com base nos resultados das fases anteriores, onde os materiais em questão serão avaliados para os devidos mercados.

“O laudo técnico gemológico é o documento de identidade que certifica e garante autenticidade e legitimidade dos materiais, evitando assim, possíveis fraudes” – Hugo Werner Flister.

– Quais as principais informações constantes no laudo técnico gemológico?

A finalidade do laudo pericial é demonstrar, com base nos resultados obtidos nas análises gemológicas, de forma fiel e precisa todas as informações e características dos materiais periciados. Além das descrições, deverá constar no laudo, as imagens dos materiais, os quais deverão ser fechados e lacrados com os devidos lacres de segurança e com a numeração apontada. O laudo pericial deverá ser devidamente datado, selado e assinado pelo profissional responsável, com comprovação e numero de registro profissional.

– Qual a necessidade do laudo técnico gemológico?

Desde a antiguidade, as joias, diamantes, pedras preciosas e os metais nobres, já eram objetos de desejo, e utilizados por nossos antepassados, como moeda e demonstração de riqueza e poder, mas como até nos tempos modernos, acredita se que na maioria, sem a necessária documentação. Na atualidade existem no mercado inúmeros produtos sintéticos, artificiais, reconstituídos, além de outros com iguais características, criados e fabricados para imitar e substituir os materiais naturais. Sendo o laudo técnico gemológico o documento de identidade, que certifica e garante autenticidade e legitimidade dos materiais, evitando assim, possíveis fraudes.

– Podemos dizer então que o laudo técnico gemológico traz segurança para o bem adquirido?

Sim! O laudo técnico gemológico dá para os materiais, que normalmente são bens valiosos, a identidade material, certificação de autenticidade e legitimidade e ainda possibilita a avaliação monetária. O laudo técnico gemológico transfere do comerciante para o gemólogo, a responsabilidade técnica. O laudo técnico gemológico traz para o comprador ou investidor, segurança, garantia de autenticidade e legitimidade do bem adquirido. O laudo técnico gemológico demonstra seriedade, agregando valores a aquele material.

■ Caso necessite

Agende uma visita na “H.Werner Perícias & Avaliações”. O escritório está na Rua Pernambuco nº353 – Sala: 1005 – Bairro Funcionários – Belo Horizonte / Minas Gerais | esquina com Avenida Brasil. Os atendimentos são feitos através de agendamento pelos telefones: (31) 3273-2648 ou pelo: (31) 99907-5881 (clique aqui e fale direto no whastapp). E-mail: [email protected] .

Fotos: G.C – Felipe de Jesus

Total
3
Shares
Deixe um comentário
Próximo Artigo

Transfácil realiza campanha inédita com a distribuição de brinquedos pedagógicos para Crianças com Necessidades Especiais na retirada do Cartão BHBus Gratuidade

Artigo Anterior

Ansiedade afeta mais da metade dos brasileiros. Problema crônico pode afetar outras regiões do corpo

Relacionados