Posse dos parlamentares dá início à 19ª Legislatura em Minas Gerais

0
23

por Geraldo Félix Júnior

Os 77 deputados estaduais eleitos por Minas Gerais no pleito em 2018 tomaram posse nesta sexta-feira (1º) sem grandes pompas e festividades. Em respeito às vítimas do trágico acidente ocorrido em Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, a solenidade foi mais tímida do que em anos anteriores e restrita aos ritos regimentais obrigatórios.

Apesar da sobriedade da cerimônia, o público em grande número na Assembleia Legislativa (ALMG). Aproximadamente de 1.700 pessoas, entre prefeitos, presidentes de câmaras municipais, deputados federais, autoridades do Estado e convidados dos parlamentares, estiveram na Assembleia de Minas.

Em pronunciamento no qual transmitiu a mensagem do Poder Executivo aos parlamentares da nova legislatura, o governador Romeu Zema voltou a pedir um pacto de todas as forças políticas para tornar Minas viável novamente. Ele apresentou números que dão a dimensão da crise fiscal do Estado, como o passivo de R$ 30 bilhões, a dívida pública de R$ 114 bilhões e a previsão de deficit orçamentário de R$ 12 bilhões para este ano.

Para Zema, é preferível a verdade, ainda que inconveniente, ao discurso “demagógico” que levou Minas à falência. “Será o período político de maior escrutínio público de todos os tempos”, previu, citando as redes sociais. Ele ainda reiterou que vai mostrar o que está sendo realizado e quem ou o quê estiver impedindo as ações. “Temos a oportunidade histórica de formar uma aliança para Minas sair da crise maior do que entrou”, finalizou Romeu Zema, pedindo paz, união e diálogo.

Agostinho Patrus

A solenidade para eleição dos integrantes da Mesa da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), aconteceu na sequência da Reunião Preparatória que deu posse aos 77 deputados da 19ª Legislatura. O deputado Agostinho Patrus (PV) foi eleito presidente do Legislativo mineiro para o próximo biênio, com 75 votos.

Uma única chapa participou da eleição dos sete cargos da Mesa da Assembleia. Além de Agostinho Patrus (PV), foram eleitos os deputados Antonio Carlos Arantes (PSDB), para 1º-vice-presidente; Cristiano Silveira (PT), para 2º-vice; o deputado Alencar da Silveira Jr. (PDT), na 3ª-vice-presidência; Tadeu Martins Leite (MDB), para 1º-secretário; Carlos Henrique (PRB), para 2º-secretário; e Arlen Santiago (PTB), como 3º-secretário.

Depois da votação, o deputado Hely Tarqüínio, que presidiu o início da reunião por ser o mais idoso da Assembleia (78 anos), declarou empossado o deputado Agostinho Patrus e transferiu a ele a presidência dos trabalhos. Por sua vez, Agostinho Patrus deu posse aos demais membros da Mesa.

Pela terceira vez, a Mesa é eleita por votação aberta, com o registro de cada voto no painel eletrônico do Plenário. A Emenda à Constituição 91, de 2013, acabou com o voto secreto nas principais deliberações do Legislativo estadual. O resultado foi registrado em tempo real, no painel.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here