BH autoriza reabertura de bares, salões e academias a partir de quinta; escolas voltam dia 26

0
524
Imagem: PBH.

Assista aqui o vídeo da coletiva de imprensa; academias, bares, restaurantes, praças, parques e shoppings vão poder voltar a funcionar a partir de quinta-feira (22)

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), anunciou nesta segunda-feira (19) a reabertura gradual do comércio da cidade. Academias, bares, restaurantes, praças, parques e shoppings vão poder voltar a funcionar a partir de quinta-feira (22). Missas e cultos presenciais também estão permitidos, desde que sigam os protocolos de saúde. O anúncio foi feito depois de três dias de reuniões a portas fechadas com o Comitê de Enfrentamento à Covid-19.

A decisão foi baseada na queda dos índices da ocupação de leitos de UTI e também de enfermaria. Segundo a Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), nesta segunda-feira (19), eles estão em 81,1% e 58,9%, respectivamente. A taxa média de transmissão do coronavírus está em 0,90.

“O que esta reabertura vai provocar, nós não sabemos, mas, pelo que tudo indica, pelos jovens que estão sendo atingidos, pela ameaça aos filhos, amigos, de 29, 28, 27 e 23 anos, não vamos brincar com essa pandemia”, disse Kalil.
Abril ultrapassa março e, em apenas 19 dias, já é o mês com mais mortes por Covid em MG

De acordo com ele, Belo Horizonte é a cidade com a menor taxa de mortalidade entre os municípios de grande porte do país, 149,5 entre 100 mil habitantes. Clubes, museus, cinemas e teatros serão reabertos em outras etapas.

Volta das aulas presenciais

As escolas de ensino infantil, para alunos entre 0 e 5 anos de idade, voltam a funcionar a partir do dia 26 de abril, após mais de um ano fechadas. A capital era a única da Região Sudeste do país sem aulas presenciais desde o início da pandemia. A permissão será válida para as unidades das redes municipal, inclusive creches conveniadas, e particular.

Prefeitura de BH desembolsa quase R$ 6 milhões na compra de uniformes escolares. Após mais de um ano fechadas, escolas municipais de ensino infantil de BH estarão abertas a partir do dia 26 de abril. O protocolo com as regras que devem ser seguidas pelas escolas será divulgado ainda nesta semana. Uma proposta já pode ser lida no site da prefeitura.

Segundo a secretária municipal de Educação Ângela Dalben, a direção das instituições terá que levar em consideração o espaço físico, a ventilação e o número de crianças. Os grupos não poderão passar de sete alunos. Além disso, as turmas – chamada de “bolhas” ou “células” – não poderão interagir entre si.

“Nós temos protocolos da cidade adaptados às instituições. Nós vamos ter que lidar com grupos de crianças de seis a sete crianças no máximo”, disse ela.
O avanço para a segunda fase de reabertura das instituições de ensino (estudantes de 6 a 8 anos) e para a terceira fase (as crianças e adolescentes de 9 a 14 anos) vai depender do comportamento do ensino infantil nas três primeiras semanas de reabertura.

Vídeo: TV Band 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui