Audiência na Assembleia debate impactos do Carnaval de BH no turismo de Minas

0
942

Nesta segunda-feira, 25, a Comissão de Turismo da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) vai debater o Carnaval da capital mineira, que se tornou o maior fenômeno turístico de Minas. Em 2019, foram mobilizados uma média de 4,3 milhões de pessoas durante os dias de folia, segundo dados oficiais da Prefeitura de Belo Horizonte. Graças à organização dos blocos de rua e das escolas de samba, a folia refloresceu-se e hoje a cidade possui o carnaval que mais cresce no país e atrai turistas do mundo todo.

O debate foi solicitado pelo vice-presidente da Assembleia, deputado Cristiano Silveira (PT). “O Carnaval de BH se tornou um importante fenômeno cultural e turístico do nosso estado e deve ser tratado como tal”, justifica o parlamentar. Para ele, “infelizmente o poder público ainda não dá o devido valor para o evento. Deveria apoiar mais as organizações que são as verdadeiras protagonistas, como blocos de rua e escolas de samba”.

Impacto financeiro
Durante os dias de folia, a capital mineira recebeu cerca de 204 mil turistas, o que representa um aumento de 18% em relação a 2018. O tempo médio de permanência na cidade foi de 4,6 diárias, isto é, os turistas passaram mais de quatro noites da cidade em média R$ 179,58 por dia. Em 2018, a Belotur divulgou uma arrecadação de cerca de R$ 700 milhões em todo o período do Carnaval belorizontino.

A taxa média da ocupação na rede hoteleira foi de 66,82%, segundo dados obtidos da Associação Brasileira da Indústria e Hotéis de Minas Gerais (ABIHMG). A maioria dos turistas se hospedou em casas de amigos e parentes (69,5%), seguida de hotéis (18,6%) e casa alugada (4,2%).

O Carnaval de BH não pode ser tratado como um fenômeno apenas local, pois ele tem impacto em todo o estado. Uma significativa parte dos turistas que são atraídos pela folia na capital, pode também viajar por outras cidades mineiras.

Serviço:
Audiência Pública “Os Impactos do Carnaval de BH no Turismo de Minas”
Comissão do Turismo
Data: 25/11/2019
Horário: 16 horas
Local: Plenário José Alencar da Assembleia Legislativa

Artigo anteriorBrasília sedia o IV Congresso Brasileiro dos Promotores de Eventos
Próximo artigoGrandes eventos aderem à Black Friday em MG
[ Jornalista e Editor do Brasil Agora - em BH/MG] - Graduação: Jornalista (FESBH), Teólogo (F.ESABI), Sociólogo e Letras (F.Polis das Artes) e Economista (UNIP). Tem Mestrado em Comunicação Social: Jornalismo e Ciências da Informação (Universidade Europeia Miguel de Cervantes/UEMC), Doutorado Prof. em Ciências Sociais e Políticas (USIP) e atualmente cursa Direito (UNIESP-BH). Apaixonado por música, colabora no "CulturalizaBH/Portal UAI" e na "TV Balcão" com a coluna "Crítica Musical" falando sempre sobre álbuns, coberturas de shows e etc. Tem como hobbie comprar CDs e também vinis. É também apaixonado por Sociologia, tanto que de sua graduação em Ciências Sociais: Sociologia, se tornou colunista de Opinião & Comportamento do portal da "RedeTV!" e "Rondônia Digital" e desta coluna, nasceu o "E-book: Sociedade Conectada: a Influência da Internet no Cotidiano". Da Economia, área ao qual foi repórter e sub-editor, se tornou colunista no "Divulga Gerais" após sua graduação em Ciências Econômicas: Economia. É colaborador de Jornais/Portais de Notícias, Diretor do Grupo Conteúdo - Agência de Notícias - Sites e também editora e assina matérias em alguns jornais de Minas Gerais e do Brasil. A escrita é sua maior base e paixão no Jornalismo. [ Siga o Instagram: @felipe_jesusjornalista ]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui