Equipes do Brasileirão apostam no mercado online e abrem espaço para sites de apostas

0
313

O Campeonato Brasileiro é a principal vitrine do futebol nacional e, por isso, chama a atenção de diferentes empresas. Em 2019, as atenções ficaram voltadas para empresas do ramo de apostas online. Elas conseguiram acordos com 10 equipes do torneio, inclusive patrocinando os gigantes Corinthians e Flamengo. Os espaços na camisa do time carioca, aliás, devem ficar ainda mais disputados após sua excelente campanha na temporada atual, o que deve abrir portas para outras empresas do mundo virtual.

Com a saída da Caixa do futebol brasileiro, como é possível relembrar acessando https://economia.uol.com.br/, algumas das principais equipes da Série A precisaram explorar novos acordos para arrecadações. A solução veio da internet, que possui um mercado forte e robusto. Os sites de apostas online, que estão em alta no país, conseguiram acordos para patrocinar metade dos times da tabela, apesar de nenhum deles estampar a parte principal da camisa, ou seja, a parte do peito.

O setor de jogos online é uma das principais tendências por aqui e investe cada vez mais em novas tecnologias. Portais como o da Betfair, que pode ser acessado em https://casino.betfair.com/pt-br/, disponibilizam, entre outras, modalidades como pôquer, blackjack e até caça-níqueis virtuais com temáticas esportivas usando a tecnologia de live streaming, que ficou popular em sites como https://www.twitch.tv/.

Outra novidade ocorreu com os bancos digitais, que ganharam força em boa parte das equipes que ficaram sem o acordo com a Caixa. No Flamengo, por exemplo, a instituição financeira BS2 fechou um acordo de R$ 15 milhões para estampar seu nome na camisa do clube. O mesmo aconteceu com o Corinthians, que fechou um acordo milionário com o banco BMG, em uma iniciativa totalmente voltada para campanhas online.

Maior mercado

Fora do mundo esportivo, o impacto das mudanças causadas por novas tecnologias também é grande. Além de sites de apostas ou de bancos digitais, o mercado nacional tem dado oportunidades para diferentes empresas virtuais ganharem terreno e, consequentemente, clientes. Como é possível ler em https://www.folhape.com.br/, existem mais de 600 inciativas digitais voltadas para o mercado financeiro já ativas no Brasil, um número que deixa muitos países europeus com inveja. 

No final de 2018, o IBGE divulgou alguns números, que podem ser vistos em https://g1.globo.com/, sobre o uso da internet pelo brasileiro. O país ganhou 10 milhões de usuários online de 2017 para o ano passado, e esse crescimento pode ter sido ainda maior agora em 2019. Já são mais de 130 milhões de pessoas utilizando o smartphone ou um computador para entrar na internet, quantidade que colabora com o crescimento de empresas totalmente virtuais.

O futebol brasileiro já acordou para essas mudanças, como ilustram os 10 times da Série A mencionados anteriormente, e isso deve aumentar nos próximos meses, principalmente no início da temporada de 2020. O Flamengo, campeão da Libertadores e também do Brasileirão, deve ser o sonho de consumo para algumas empresas, que certamente não medirão esforços daqui em diante para fazer uma parceria com a equipe e ter sua imagem associada ao grande campeão do momento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui